sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

Dilemas da Pandemia




💙 Chica 💙



"Depois de tantos dilemas, a vida sorriu para mim".


Essa a palavra da semana: DILEMAS

Máscara e distanciamento são dilemas na Pandemia.
🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏
Não tenho dilema no uso da máscara e me afasto sem dificuldade.
Tenho visto quando vou ao médico que para as pessoas, são verdadeiros dilemas o que pus acima...
Que lástima!

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Para Você, Minha Vida

 





Vídeo sugerido por Marta.. 

💙 Marta Vinhais 💙



O desafio deste mês é simples:


escrever uma carta e falar sobre:

a dor que fala no silêncio do corpo, o medo de não encontrar a paixão

Obrigatoriamente, as palavras " questão" e " de propósito" têm que aparecer no vosso texto/carta.

Sugestão de música de fundo: " Adios Nonino"  de Astor Piazzola




Guarapari, 29 novembro de 2020

Prezada Vida 

Como está indo no novo normal?

Por aqui, estamos tentando minimizar toda questão da dor da saudade imensa que sentimos dos que amamos e não vemos há oito meses decorridos daquele fatídico dia de março onde fomos impedidos de abraçar, beijar, acarinhar, efetivamente, a quem mais amamos.
Nossa missão neste mundo é em tudo amar e servir.
Não temos conseguido tudo no objetivo primordial do nosso viver.
Particularmente, tenho procurado modos de pôr em prática que o Amor mede-se mais em obras do que em palavras. Sendo assim, tenho tentado desmedidamente, me doar com o que está ao  meu alcance. Ofertar gestos de ternura a quem meus abraços podem alcançar e meus beijos podem acarinhar, com todos os recursos e afetos do meu 💙.
Amemos de propósito, por não caber em nós tanto Amor.
Quem disse que não podemos amar à distância?
Quem prova que as sensações não podem ser as  mais ardentes e intensas, se há Amor no 💙?
Na verdade, Vida, só temos uma para vivermos aqui, nada nem Pandemia alguma pode destruir o que o Amor, laboriosamente, construiu ao longo dos anos em nós.
Vida, me ajude a implantar a força do meu querer, com toda suavidade, no 💙 dos que amo.
Muito obrigada por viver em mim, em fazer pulsar em meu peito o que há de melhor na minha estrutura e não deixar dores da alma e do corpo prejudicarem meu modo de ser.
Até sempre, minha amiga.
Carinhosamente, recebe minha gratidão.
Beijinhos carinhosos 




sexta-feira, 27 de novembro de 2020

O Prazer de Viver

 







❤️Botando a cabeça pra funcionar nº 33❤️


❤️ Chica❤️



Francisco e Joaninha, um casal muito divertido.

Levavam a vida  em descontração, mas em grande responsabilidade.

Viviam para ajudar seus familiares, entretanto não perdiam uma só oportunidade de se divertirem juntinhos.

O Amor que sentiam os impelia a superararem todas adversidades que lhes surgiam de tempos em tempos.

A todos exalavam cumplicidade  bonita, jamais se magoavam, não se feriam no dia a dia. 

Francisco era meigo, dava toda atenção à Joaninha, entre seus afazeres, vinha um pouco para ela, cobria-lhe de   carinhos, era atencioso. Se não pudesse ser, pedia desculpas. Era humilde.

Assim sendo, o relacionamento era envolto de cumplicidade e muita delicadeza.

Amavam-se gratuitamente num bem-querer singelo e puro.

Não gostavam de programa extravagante, uma sorveteria bastava para que sorridente saisse Francisco para o lar de volta do passeio com sua musa.

O interessante é que eles tinham sempre muito bom humor o que lhes garantia brincadeiras a toda hora, inclusive na madrugada, fazendo com que a vida se tornasse branda e muito feliz.

Todos admiravam o Amor do casal que não perdiam oportunidade para se animarem e se amarem.

Bem que um sorvete junto aconchega dois corações enamorados 

Nunca a Joaninha se esquece de  uma certa vez que lhe dera na cama um sorvetinho na boca.

Hum! Gestos delicados fazem a vida sorrir...

Leia também...

Related Posts with Thumbnails